Viajar de Mochila e continuar bonita é possível?

Queridos leitores do Diário de Mochileiro hoje quem comanda esse post é a mais nova MOCHILEIRA do pedaço. Me chamo Yochabel Fragoso e vou compartilhar com vocês os desafios de conhecer o mundo carregando uma mochila.

Como Júnior já havia comentado não é nada fácil arrumar a mala de uma mulher, principalmente quando essa mala vira uma mochila bem (mais bem) menor do que estou acostumada. Mais como não se preocupar com as roupas que vou levar, sapatos, com meu cabelo (o que mais me preocupou) e unhas durantes 30 dias fora do seu habitat natural. Impossível!

Então comecei a pesquisar o que deveria levar para uma viagem desse tipo, como também contei com a experiência de quem já conhece 16 países: Júnior Gomes (meu amor).

fondue-gramado-yochabel

Primeiro passo procurar as roupas que se adequem a viagem e preparar a mala. Ops mochila! Escolhi as peças mais leves tipo camisa, legging, short, short saia, uma calça jeans básica, uma jaqueta, dois tênis e duas sapatilhas. Depois parti para as peças intimas que não foge da realidade de uma viagem normal onde também só levei o básico. Fazendo jus a mulher vaidosa que sou não poderia deixar de fora meu kit beleza, então coloquei na mochila minhas maquiagens que também foi o básico do básico tipo: base, pó compacto, corretivo, blush, brilho labial e batom.  Porém algo me preocupa e essa preocupação se chama cabelo vulgo madeixas. Como meu cabelo tem mechas e precisa de um cuidado especial logo me agarrei os potes de hidratação para poder leva-los. Mais como levar quase 10 produtos de cabelo para uma viagem de mochila, isso partiu meu coração, fiquei desesperada. Será que meu cabelo aguentava tantos dias sem uma boa hidratação e escova? Nesse momento a vontade de viajar foi mais forte que a mulher vaidosa que existe dentro de mim. Peguei os potes de shampoo e condicionador e um único hidratante para os cabelos. Para socorrer as madeixas no dia a dia coloquei também  um secador e uma chapinha de viagem, bem pequenos para não tomar muito espaço e também não pesar tanto na mochila.

casa-pueblo-punta-de-este-uruguai-yochabel

rodoviario-de-chui-yochabel-e-junior

Enfim tudo pronto férias ai vou eu!
Gostou? Indique para seus amigos e continue nos seguindo em nossa viagem pelo América do Sul.

Booking.com

Sobre

Júnior Gomes

Júnior Gomes é um cearense cabra da peste, que desde 2009 começou a mochilar e já conquistou 19 carimbadas no seu passaporte. Morou no Sul do Chile e sonha em completar os 50 países até os 50 anos. Fundou o blog para ajudar outros viajantes, priorizando dicas de como viajar muito e gastar pouco. Ao lado dos seus amores, Bel (esposa) e Kika (cadelinha), sonha em curtir um sabático pelo mundo.

1 comentário

12 jun2015
Lucas Marçal

Uma dica legal para proteger sua mochila sem, gastar muito dinheiro

Deixe seu comentário!





*

code