Morro da Borússia, uma linda vista do litoral Gaúcho

Chegamos em Porto Alegre cansados, mas bem animados para seguirmos para a Serra Gaúcha. No desembarque encontramos os queridos amigos, Augusto e Mary, que nos aguardavam com quitutes para matar nossa fome após 8h de viagem. Decidimos ir pelo litoral, passando primeiro pela Imbé onde almoçaríamos na casa dos pais da Mary.

morro-da-borussia-caminho-598morro-da-borussia-caminho-598

Passamos antes por Osório e eles nos convidaram para conhecer o Morro da Borússia. Sem titubiar subimos na estradinha estreita, bastante movimentada por conta do carnaval. O caminho é muito bonito, principalmente por se tratar de uma área preservada de Mata Atlântica. A estrada é bem sinalizado, com locais para paradas estratégicas de lanches, restaurantes e souvenir’s. Para os que gostam de uma aventura a mais, é possível fazer trilhas e outros esportes. Observe no caminho da subida as ofertas das empresas de turismo que prestam os serviços.

morro-da-borussia-vista-junior-e-bel

Em dez minutinhos estávamos no topo do morro de 400 metros. Por ser feriado, o local estava lotado e tivemos um pouco de dificuldade para estacionar. A vista é sensacional, sem dúvida uma das mais belas vistas do litoral norte do Rio Grande do Sul. A geografia é formada por diversas serras, lagoas e praias. Outra espetáculo a parte é Parque Eólico (Cata-Ventos Gigantes) que encanta a vista dos visitantes do local.

morro-da-borussia-vista

Ficamos sentados alguns minutos na rampa de saltos do Borússia e logo depois descemos rumo a Imbé/Cambará do Sul. Gostamos e indicamos o passeio por ser barato e fora do eixo turístico da região. Legal para quem pretende ir de carro (próprio ou alugado) para a serra (via rota do sol) ou litoral.

mirante-da-borussia-mary-augusto

Gostou? Indique para seus amigos e continue nos seguindo em nossa viagem pelo América do Sul.

Booking.com

Sobre

Júnior Gomes

Júnior Gomes é um cearense cabra da peste, que desde 2009 começou a mochilar e já conquistou 19 carimbadas no seu passaporte. Morou no Sul do Chile e sonha em completar os 50 países até os 50 anos. Fundou o blog para ajudar outros viajantes, priorizando dicas de como viajar muito e gastar pouco. Ao lado dos seus amores, Bel (esposa) e Kika (cadelinha), sonha em curtir um sabático pelo mundo.

2 comentários

3 jun2016

Que bacana vocês nos contemplar com ótimas dicas assim, sobre locais onde ir, onde se hospedar e onde comer, é muito construtivo seu Blog! Obrigaduuuu!!!

    5 jun2016

    Allan,
    Procuramos sempre passar informações úteis para os nosso leitores.
    Adoramos o que fazemos!

Deixe seu comentário!





*

code